You are here

Doenças venosas crônicas

Doenças venosas crônicas

Pernas pesadas

Um sentimento de desconforto em suas pernas pode ser um sinal básico de distúrbios venosos. Esses sintomas incluem pernas cansadas e doloridas. Você pode vivenciá-los especialmente quando fica em pé ou sentado por um longo período de tempo. Durante o verão essas manifestações aumentam por causa do calor. Além disso, são tipicamente associadas com pés e tornozelos inchados (especialmente à noite).

As seguintes dicas ajudarão a aliviar e prevenir esses sintomas: 

  • use meias de compressão SIGVARIS 15 - 20 mmHg;
  • ande, pedale, nade;
  • eleve suas pernas;
  • lave as pernas com água fria. 

Quanto aos edemas (inchaços) que ocorrem após várias horas em um transporte (avião, carro, trem, ônibus), algumas dicas te ajudarão a viajar com maior conforto: use meias de compressão SIGVARIS, beba líquidos, use roupas confortáveis e faça exercícios com os pés proporcionando a movimentação da panturrilha.

Cãimbras noturnas são raramente causadas por doenças venosas. É importante saber que dores nas pernas nem sempre são provenientes de doenças venosas. É recomendado então que vá ao médico e peça exames para diagnosticar e propor o tratamento correto a você.

Teleangiectasias  

Elas são pequenas veias superficiais dilatadas. Também conhecidas como microvarizes, elas podem ser localizadas em áreas diferentes da perna. Entretanto, quando localizada no tornozelo, elas podem representar uma séria insuficiência venosa. Uma visita ao seu médico pode detectar uma possível insuficiência venosa. E finalmente, a razão estética, microvarises podem ser removidas por procedimentos simples. Após esse tratamento, meias medicinais de compressão SIGVARIS 20 - 30 mmHg provarão sua eficácia.

 

Veias varicosas

Veias varicosas são sinais de uma doença venosa mais séria. Uma veia varicosa é uma dilatada e tortuosa veia superficial com defeitos nas válvulas. Como resultado, o sangue nessas veias circulam para o sentido contrário. Essa condição é conhecida como refluxo sangüíneo. Veias varicosas podem ser doloridas ou, ao contrário, totalmente indolores. Podemos encontrá-las nos pés, panturrilhas, coxa ou na perna toda. Se não forem tratadas, as veias varicosas podem levar a conseqüências sérias. Tratamento com meias medicinais de compressão SIGVARIS 20 - 30 mmHg e prevenir complicações.

 

Edemas 

Quando há presença de edema, falamos de insuficiência venosa crônica. O edema do pé e do tornozelo ocorre quando há estagnação do sangue nas veias superficiais e profundas na parte inferior da perna. Os capilares não podem mais fazer seu trabalho. Água e resíduos se acumulam na parte inferior da perna e induzem o aparecimento de um edema venoso.
Entretanto, nem todos os edemas são de origens venosas. Consulte seu médico para um diagnóstico apropriado. Usando as meias medicinais de compressão SIGVARIS você reduzirá ou eleminará completamente o edema. A compressão correta será prescrita pelo seu médico e depende da condição do membro.

 

Dermatite

O composto de resíduos leva ao dano e, conseqüentemente, às reações inflamatórias como eczemas. Meias medicinais de compressão SIGVARIS 20 - 30 mmHg irão rapidamente curar a dermatite. 

Hipodermites, Dermatoesclerose, Hiperpigmentação 

O uso de meias de compressão SIGVARIS levará à cura da dermatoesclerose, mas não eliminará a hiperpigmentação. A quantidade de compressão necessária será determinada pelo seu médico. A pigmentação perdurará mesmo após a remoção por cirurgia ou escleroterapia da veia varicosa responsável.

Úlcera nas pernas 

Uma severa insuficiência venosa profunda e ocasionalmente superficial desenvolvem a úlcera nas pernas. Uma úlcera na perna é uma ferida. Aparece na maioria dos casos atrás e acima do tornozelo na parte interna da perna. A úlcera é causada pela estase venosa. Por algumas veias defeituosas não poderem mais assumir o retorno venoso, os restos celulares não podem ser limpados e desencadeiam um ambiente tóxico que impede a cura. Um ciclo vicioso entre a hipertensão venosa crônica e um fenômeno local se desenvolve. Então a úlcera só será curada quando a hipertensão venosa for controlada, tanto por eliminação da veia varicosa responsável quanto pela aplicação de uma compressão muito forte, que geralmente é pedida quando veias profundas são afetadas. 
Somente um médico pode prescrever um tratamento adequado após todos os exames necessários para identificar a origem exata da úlcera.