You are here

Sigvaris apoia o Novembro Azul

Sigvaris apoia o Novembro Azul

25. Novembro 2015
Brazil
A Sigvaris é uma empresa que se preocupa com a saúde de homens e mulheres e, por isso, incentiva a todos a cuidarem da saúde. Depois do Outubro Rosa, chega a vez do Novembro Azul, campanha que tem o objetivo de chamar a atenção dos homens sobre a importância do exame para detectar o câncer de próstata.

No Brasil, o câncer de próstata é o segundo tipo de câncer mais comum entre os homens, de acordo com o último levantamento realizado pelo Instituto Nacional de Câncer (INCA). Dependendo do grau em que esteja torna-se necessária a realização de uma prostatectomia radical. Como em qualquer outra cirurgia, o paciente fica acamado por alguns dias, geralmente com as pernas na mesma posição por um tempo prolongado. Quando isso acontece, os músculos da panturrilha não se contraem, dificultando o retorno do fluxo venoso e aumentando as chances de ocorrência da Trombose Venosa Profunda (TVP).

Segundo o Dr. Gustavo Solano, cirurgião vascular e membro da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular “a trombose venosa profunda representa a obstrução ao fluxo sanguíneo venoso, que gera possíveis edemas e dores no membro acometido. Na fase aguda, ainda sem tratamento, pode haver o desprendimento de um coágulo, que passa a se chamar êmbolo. A condução desse êmbolo pode ter fim nos pulmões, causando a temida e grave embolia pulmonar”.

O principal tratamento no caso de trombose é o uso de anticoagulantes, prescrito por médicos vasculares, mas outras medidas devem ser tomadas para minimizar os sintomas da doença. “Meias de compressão ajudam a diminuir o edema e as dores, assim como o retorno venoso e a drenagem linfática na perna acometida”, explica Dr. Solano.

A Sigvaris, possui uma meia exclusiva de prevenção e tratamento da trombose para pacientes que se recuperam de cirurgias, a meia ANTITROMBO. Ela está disponível nos modelos de panturrilha e meia coxa e é indicada também para a prevenção da Embolia Pulmonar. Possui compressão ideal conforme a GIC (Grupo Internacional de la Compresión-AR), diminui a estase sanguínea e melhora o retorno venoso. Adequada aos pacientes submetidos a qualquer tipo de procedimento cirúrgico acima de 2 horas.

“O tratamento para trombose, prescrito pelo médico, deve ser iniciado assim que houver o diagnóstico, para evitar a extensão do problema ou até mesmo uma embolia pulmonar. À medida que o paciente é medicado, passa a se sentir melhor e pode realizar exercícios de leve intensidade. Durante esse período, o uso das meias de compressão é indispensável”, reforça Dr. Solano.